Início Maranguape Açude Gavião já conta com 93% de sua capacidade total

Açude Gavião já conta com 93% de sua capacidade total

0
COMPARTILHAR

A sangria do açude Gavião pode estar bem mais perto do que se imagina. O reservatório, integrante do sistema Pacoti-Riachão, responsável pelo abastecimento da Região Metropolitana de Fortaleza (RMF), atingiu neste sábado 91,93% de sua capacidade total de armazenamento – 53 milhões de metros cúbicos de água. Se as chuvas continuam intensas é bem provável que ele sangre como ocorreu em fevereiro de 2015.

A informação consta no Portal Hidrológico da Companhia de Gestão dos Recursos Hídricos (Cogerh), do Governo do Estado, que todos os dias atualiza dados sobre o comportamento dos açudes monitorados pelo órgão. A marca atingida pelo açude Gavião, localizado no município de Pacatuba, é a maior desde março do ano passado, quando o reservatório chegou a armazenar 92, 32%. De acordo com o portal, nas últimas 24 horas, foi registrado aporte de água em 63 açudes. Neste período, houve um aumento de 17.134.249 m³ no volume armazenado.

Os açudes Maranguapinho, no município de Maranguape, e o açude Caldeirões, em Saboeiro estão com volume máximo e já sangraram. O açude Cauipe, em Caucaia, está com 66,9% da capacidade. Segundo a Fundação Cearense de Meteorologia e Recursos Hídricos (Funceme), a previsão é que neste domingo, 26, tenhamos nebulosidade variável com chuva em todas as regiões cearenses ao longo do dia.

Fonte: http://www.cearaagora.com.br/

Zeudir Queiroz

Zeudir Queiroz

Aceji - Associação Cearense de Jornalistas do Interior em Diretor
Comunicador há mais de 30 anos, comanda o Jornal dos Municípios, que veio de um programa da Rádio Clube de Fortaleza (antiga Ceará Rádio Clube) para as páginas de internet.Atualmente exerce o cargo de diretor da Associação Cearense de Jornalistas do Interior (ACEJI), sendo também ex-presidente da instituição.
Zeudir Queiroz

Deixe uma resposta

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.