Início Fortaleza Ceará empata com Luverdense e sai de campo vaiado pela torcida

Ceará empata com Luverdense e sai de campo vaiado pela torcida

0
COMPARTILHAR

O Ceará voltou a decepcionar o seu torcedor atuando em casa na Série B do Campeonato Brasileiro. Nesta sexta-feira, no Castelão, depois de sair na frente do Luverdense, gol de Rafael Carioca no primeiro tempo, o time cedeu o empate em 1 a 1 na segunda etapa – tento marcado por Leo Cereja – e perdeu mais dois pontos como mandante. Com 11 pontos na tabela, a equipe aguarda os resultados dos seis jogos deste sábado para saber em que posição terminará a oitava rodada da competição.

Minutos antes da partida começar o técnico Givanildo Oliveira dizia que o objetivo era atuar bem e esquecer o segundo tempo da derrota para o Santa Cruz por 3 a 1, terça-feira passada. O recado não adiantou muito. O elenco voltou a atuar mal nos trinta minutos finais e irritou os cerca de quatro mil presentes no estádio que, de novo, não tiveram outra alternativa a não ser a vaia.

Logo nos primeiros minutos de partida ficou nítido que o Ceará teria mais posse de bola e iniciativa ofensiva. Foi assim que Magno Alves finalizou duas vezes sem perigo. O gol, entretanto, não demorou a sair e começou nos pés de Roberto, o jogador mais lúcido do ataque alvinegro na Série B. Ele avançou em velocidade pela direita e cruzou para Magno Alves. O atacante ajeitou com o peito, a bola bateu na canela do zagueiro Moacir, do Luverdense, e sobrou para Rafael Carioca, esperto, tocar para abrir o placar. Foi o segundo tento do lateral, que está jogando como ponta esquerda, na Série B.

Após a vantagem, o Ceará optou por tocar a bola, mas sem profundidade e objetividade. O resultado foi que o Luverdense passou a ter mais presença de área, mas todas as cinco finalizações tentadas não levaram perigo.

O Ceará voltou melhor para o segundo tempo. Até os 15 minutos a equipe criou três chances boas para ampliar, mas Pedro Ken, Roberto e Valdo não foram felizes nas tentativas. O Luverdense, já com Marcos Aurélio e Alaor em campo, cresceu. Atuando muito mais no seu campo ofensivo e tendo mais a bola, aproveitou a queda e a desorganização do Alvinegro e passou a criar boas oportunidades. Restando 20 minutos, Givanildo trocou Magno Alves e Jackson Caucaia por Arthur e Pio. As tentativas não deram qualquer resultado, inclusive porque o time de Lucas de Rio Verde-MT empatou com belo gol de Leo Cereja, que fez o que quis ganhando a jogada de Tiago Cametá, aos 31 minutos.

Nos momentos finais da partida, foi o Luverdense que ficou mais perto da vitória, especialmente numa cabeçada de William, que por pouco não venceu o goleiro Everson.

Na próxima terça-feira o Ceará encara o Vila Nova, em Goiânia, às 21h30min. Na zona de rebaixamento, o Luverdense visita o Figueirense, no mesmo dia.

Fonte: http://esportes.opovo.com.br/

Zeudir Queiroz

Zeudir Queiroz

Aceji - Associação Cearense de Jornalistas do Interior em Diretor
Comunicador há mais de 30 anos, comanda o Jornal dos Municípios, que veio de um programa da Rádio Clube de Fortaleza (antiga Ceará Rádio Clube) para as páginas de internet.Atualmente exerce o cargo de diretor da Associação Cearense de Jornalistas do Interior (ACEJI), sendo também ex-presidente da instituição.
Zeudir Queiroz

Deixe uma resposta

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.