Início Futebol Ceará é goleado pelo Boa Esporte em Varginha, mas segue G-4 da...

Ceará é goleado pelo Boa Esporte em Varginha, mas segue G-4 da Série B

0
COMPARTILHAR
Ceará tomou três gols no 2º tempo e se complicou no jogo. Foto: Reprodução TV

Na atuação mais fraca sob o comando de Marcelo Chamusca, o Ceará conheceu a sua sétima derrota na Série B do Campeonato Brasileiro. Neste sábado, a equipe foi inferior ao Boa Esporte durante toda a partida e foi goleada por 4 a 1. Com 34 pontos e 10 vitórias (o Juventude tem também 34 pontos, mas nove vitórias), o time segue no G-4, na quarta colocação, atrás de América-MG, Internacional e Vila Nova. Na sexta-feira que vem o adversário será o Náutico, no Castelão, jogo marcado para às 19h15min.

O primeiro tempo foi dominado pelo Boa Esporte, em que pese o time ter tido menos posse de bola do que o Ceará. Pressionando a saída de bola, a equipe mineira ganhava o meio-campo e avançava com velocidade ao ataque, criando boas chances. Numa delas, aos 25 minutos, Escobar lançou para a área e Casagrande, aproveitando vacilo da dupla de zaga Rafael Pereira e Luiz Otavio – marcou de cabeça.

Aos 33 minutos o Boa ampliou, mas foi prejudicado pela arbitragem que anulou, erradamente, gol de Rodolfo ao alegar impedimento. No lance, Thiago Cametá, que entrou na vaga do machucado Pio logo aos 15 minutos, dava totais condições.

Lento e sem criatividade dos seus homens de frente – Elton e Cafu, especialmente – o Alvinegro só criou uma chance real, aos 34 minutos, mas Pedro Ken desperdiçou frente a frente com o goleiro Fabrício. Aos 41, Elton recebeu bom passe de Raul e poderia ter marcado, mas seu chute foi cortado pela zaga.

Tentando melhorar a produção do seu time, Marcelo Chamusca voltou para o segundo tempo com o atacante Leandro Carvalho na vaga de Cafu. A alteração deu, inicialmente, mais agressividade ao Alvinegro, que teve pênalti não marcado a seu favor aos quatro minutos. Lima fez ótima jogada individual e o zagueiro Ruan cortou com a mão em cima da linha, mas a arbitragem anotou infração fora da área. Na cobrança, Rafael Pereira desperdiçou.

Atuando no contra-ataque em função da vantagem, o Boa seguia menos com a bola, mas criava as melhores oportunidades. E foi assim que ampliou o placar aos 21 e aos 28 minutos, gols marcados por Rodolfo e Thaciano, ambos com ampla liberdade nos lances, ganhando com facilidade do sistema defensivo do Alvinegro.

Já sem forças para empatar, Chamusca colocou Arthur na vaga de Richardson, mas a vitória do Boa já estava definida, ainda que o Ceará tivesse diminuído o placar com gol marcado por Luiz Otavio, aos 44 minutos e o Boa tenha ampliado novamente com Rodolfo, aos 50 minutos.

FERNANDO GRAZIANI

Fonte: http://www.opovo.com.br/

Zeudir Queiroz

Zeudir Queiroz

Aceji - Associação Cearense de Jornalistas do Interior em Diretor
Comunicador há mais de 30 anos, comanda o Jornal dos Municípios, que veio de um programa da Rádio Clube de Fortaleza (antiga Ceará Rádio Clube) para as páginas de internet.Atualmente exerce o cargo de diretor da Associação Cearense de Jornalistas do Interior (ACEJI), sendo também ex-presidente da instituição.
Zeudir Queiroz

Deixe uma resposta

Por favor deixe seu comentário
Por favor digite seu nome aqui

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.